Fontes de Financiamento

Datas de Realização

10, 11, 17, 18 de outubro

Horário

10h00-13h00

Modalidade de Formação

Formação Profissional Continua

Forma de Organização

Formação em Live Training

Número de horas

12 horas

Formador/a

Susana Graça

Destinatários

Os principais destinatários deste programa são as equipas próximas e alargadas envolvidas nos projetos aprovados no âmbito do concurso «Connecting Dots – Mobilidade Artística e Desenvolvimento de Públicos» – os elementos que integram as entidades promotoras (entidades artísticas nacionais) e as entidades parceiras dos projetos apoiados (municípios, entidades artísticas dos Países Doadores e outros parceiros locais nos setores culturais, sociais e educacionais).

Enquadramento

Este módulo visa explorar as várias linhas de apoio existentes e acessíveis a projetos culturais e artísticos, nacional e internacionalmente. Adicionalmente, ir-se-ão abrir perspetivas a novas formas de procurar financiamentos e diferentes meios de obter recursos para a produção cultural.

Objetivos gerais da aprendizagem

  • Ser capaz de navegar de forma informada os diferentes programas de apoio às artes.

Descrição dos objetivos específicos da aprendizagem

  • Ser capaz de reconhecer e enquadrar programas de apoio às artes de acordo com tipos de financiamento.
  • Ser capaz de determinar de forma eficaz os parâmetros de um programa de apoio e a sua adequação a um determinado projeto artístico.

Conteúdos programáticos

Acolhimento dos Formandos e apresentação da ação

Oportunidades de financiamento nacional para as artes (DGARTES, Autarquias, Fundação GDA, Programa Gulbenkian Cultura, entre outros)

  • Programas de apoio às artes enquanto instrumento de políticas públicas
  • Estrutura de apoios públicos nacionais às artes e comparação com as estruturas de outros países
  • Apoios privados às artes e diferenças face aos apoios públicos

Europa Criativa

  • Princípios orientadores dos apoios Europa Criativa
  • Requisitos de cada vertente de apoio
  • Formulário e como responder às diferentes secções
  • Processo de submissão, avaliação e negociação de um projeto

Outros Fundos Europeus (programas em regime de subsidiariedade e programas operacionais);

  • Horizonte Europa: requisitos das vertentes diretamente e indiretamente ligadas à cultura
  • Interreg: abordagens de projetos artísticos e culturais ao programa, e requisitos
  • Programas operacionais, PRR e sua ligação à cultura

EEA Grants

  • Fundamentos dos EEA Grants, doadores e princípios orientadores
  • EEA Grants em Portugal, histórico e programas em curso
  • Gestão de projetos EEA Grants: jargão EEA Grants, desenho dos programas projetos-alvo do mecanismo financeiro, reporte projeto-programa-FMO, posição dos diferentes stakeholders
  • Perspetivas e negociação de novo mecanismo financeiro.

Avaliação e Encerramento

Metodologia de desenvolvimento dos conteúdos programáticos

Metodologias: Métodos expositivo e participativo
A abordagem metodológica será teórico-prática, com recurso a vivências dos formandos nesta área, a trabalhos colaborativos e de co-aprendizagem, recorrendo-se a trabalhos de grupo e outros métodos pedagógicos (debate, brainstorming, casos de estudo, trabalho de projeto).
O processo de comunicação síncrono (ocorrendo online, em “tempo real” e com todos os participantes em simultâneo, através do Live Training) permite recorrer ao áudio, ao vídeo e a informação partilhada.
O processo de comunicação assíncrono será efetuado nos canais da plataforma da Significado, um por cada módulo/formador, através de uma tutoria ativa, realizada durante e após o términus da formação síncrona. Nestes canais os formadores estarão disponíveis para lançar questões para discussão, aprofundar as temáticas abordadas e incentivar projetos reais
Avaliação: Os resultados da aprendizagem e a metodologia de avaliação da aprendizagem dos formandos: Avaliação qualitativa continua no decorrer da formação

Regime de assiduidade

As faltas não podem exceder 25% do total das horas de formação.

Certificação

No final da ação de formação será emitido um Certificado de Formação Profissional, caso tenha obtido aproveitamento, ou um Certificado de Frequência com o número de horas frequentadas.  Todos os formandos com uma presença igual ou superior a 75% das horas letivas de cada módulo de formação terão direito a um certificado de participação em cada um dos módulos.